Top 25

Autor Tópico: PT disponibiliza 16 GB de armazenamento em "cloud' a todos os portugueses  (Lida 797 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Outubro 29, 2012, 05:04:03 pm

f423

  • Moderador

  • Offline
  • *****

  • 8948
  • Reputation:
    23284
A Portugal Telecom vai disponibilizar a partir de 10 de dezembro uma "oferta cloud" de 16 gigabytes para todos os portugueses, incluindo os que não são clientes da operadora, anunciou o presidente executivo da empresa, Zeinal Bava.

"Todos os portugueses vão ter uma oferta de 'storage' na cloud PT", avançou Zeinal Bava na abertura da conferência da empresa consagrada ao tema Technology & Innovation, a decorrer em Lisboa.

De acordo com o responsável, a oferta "está a ser testada" e vai estar "disponível a partir de 10 de dezembro", de forma gratuita. "Todos os portugueses vão poder, através do 'site' da PT, criar a sua própria conta na nossa nuvem", afirmou.

Em comunicado, a empresa especifica que a cloudPT, um serviço de "cloud storage" para o segmento pessoal, permitirá que todos os portugueses tenham 16 Gb de espaço na "nuvem" onde poderão armazenar e gerir todos os seus documentos digitais.

A "oferta cloud" consiste no armazenamento de dados na Internet, independentemente do local e do equipamento a partir do qual é feito o acesso, funcionando, na prática, como um disco rígido virtual portátil.

Através da cloudPT, todos poderão alojar, aceder de qualquer local e partilhar os seus ficheiros, quer sejam documentos, fotografias, vídeos ou música, de forma simples e intuitiva e guardá-los de forma segura nos data centers da PT. "Guardar conteúdos em cds, dvds ou dispositivos USB passou a ser algo do passado. Guardá-los na cloud é agora a alternativa simples, segura e acessível a todos", argumenta a PT.

 "Acho que é uma tendência que é irreversível, todos nós hoje temos muitos conteúdos digitais, todos nós usamos conteúdos em formato digital. E para todas as pessoas que assim o fazem - e estou a falar de 94 % da população - acho que a 'cloud PT' é um excelente complemento", reforçou Zeinal Bava.

Quanto ao Data Center da Covilhã, previsto para o primeiro trimestre do próximo ano, Zeinal Bava sublinhou que a ambição "é fazer [do centro] uma das exportações" de Portugal.

"A capacidade computação e 'storage' (armazenamento de dados) é algo que pode ser um embrião para fazer muito mais no nosso país", frisou Bava.



JN

 


* .